29 de outubro de 2017

CEU apoia ação social para crianças da comunidade Vila Pantanal

Cris Franco (*)

No dia 21 de outubro, a Casa do Estudante Universitário do Paraná (CEU), em parceria com os estudantes do 5°período do curso de bacharelado em Comunicação Organizacional, da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR) – Campus Curitiba, recebeu uma ação social para 40 crianças da comunidade Vila Pantanal. Os pequenos cidadãos são assistidos pelo Projeto Resgate, uma iniciativa que atua com crianças menos favorecidas.

Crianças assistiam atentas a apresentação teatral dos
estudantes do Colégio Estadual do Paraná (CEP) (Foto/Maíra Kaline)

Intitulada Pantalegria, a ação contou com apresentações de peças teatrais dos estudantes e atores do Colégio Estadual do Paraná (CEP), além de diversas brincadeiras, como a dança da cadeira, morto ou vivo, estátua, entre outras. No final, foi servido um lanche.

Segundo o estudante e gestor da ação, Igor Pagliuso, a iniciativa teve origem na disciplina Elaboração de Projetos, inspirada nas atividades desenvolvidas pela Associação Acadêmica Atlética de Design e Comunicação (AAADEC) da UTFPR com as crianças da Vila Pantanal. “A intenção foi aplicar o conhecimento adquirido em sala de aula em um projeto que aproveitasse o Dia das Crianças, para inseri-las em outra realidade, por meio de brincadeiras e atividades culturais”, ressaltou.

Vitória, de 13 anos, disse que será advogada. Nadielly, de 14 anos, sonha em trabalhar como advogada com a amiga. Já a Duda, de 9 anos, quer ser policial. As três participam do Projeto Resgate e concordaram sobre a tarde na CEU. “Gostamos muito das brincadeiras, principalmente, a dança da cadeira”, afirmou Vitória. De acordo com as meninas, em outros momentos, também foram convidadas para ações similares, pela Faculdade de Artes do Paraná (FAP).

Eleonice Piske, responsável pelo Projeto Resgate, explicou que o programa existe há 15 anos, mantido pelas próprias moradoras da Vila Pantanal. “Temos cerca de 45 crianças com até 15 anos de idade. Nosso objetivo é mostrar a elas um mundo além daquilo que estão habituadas”, concluiu.

Cerca de 40 crianças participaram da Ação Social na CEU (Foto/Maíra Kaline)

O evento contou, também, com o auxílio de vários estudantes moradores da CEU, que atuaram como voluntários da ação social.

(*) Estudante de Mestrado em Ciência Política, na Universidade Federal do Paraná (UFPR)

Casa do Estudante Universitário do Paraná (CEU)
Departamento de Comunicação & Marketing
Célula de Comunicação & Marketing

CEU na Internet: www.ceupr.com.br
Curta a CEU no Facebook: @ceuparana
Siga a CEU no Twitter: @ceupr

16 de outubro de 2017

CEU lança novo Processo Seletivo para residentes

A Casa do Estudante Universitáriodo Paraná (CEU) lançou, nesta segunda-feira (16), nova seleção para estudantes moradores. As oportunidades são destinadas a estudantes de nível superior (graduação e pós-graduação) e pré-vestibular, de ambos os sexos, oriundos de todo o Brasil e de outros países. O Processo Seletivo ocorre em três etapas: inscrição, entrevista individual e integração. A taxa de inscrição custa R$ 25.

Prédio Histórico da CEU, inaugurado em 1956 e reformado em 2008 (Foto/Divulgação)

Na CEU, os residentes têm acesso a uma série de benefícios, tais como: café da manhã diário; cozinha colaborativa; sala de estudos; sala de jogos; laboratório de informática; e serviços de portaria e de lavanderia 24 horas. Além disso, os beneficiários também contam com diversas atividades acadêmicas, esportivas, culturais e de lazer.

A primeira fase do Processo Seletivo consiste no preenchimento de um formulário on-line, disponível até às 23h59min do dia 27/10/2017 (sexta-feira da próxima semana). Nesse período, o candidato deverá efetuar o pagamento da taxa, no valor de R$ 25, por meio de boleto bancário, gerado pelo PagSeguro, no final do formulário online de inscrição, ou transferência/depósito bancário. Até essa data, os interessados também deverão entregar parte da documentação obrigatória, conforme estabelecido no Edital 03/2017.

No dia 6 de novembro, será divulgada a relação dos candidatos aptos a participarem da segunda etapa, composta por entrevistas individuais, que serão realizadas no dia 11 de novembro, na sede da CEU. Nessa fase, será avaliada a vulnerabilidade socioeconômica dos candidatos. Na ocasião, também será entregue a segunda parte da documentação necessária, assim como 1 kg de alimento não-perecível, que será doado, posteriormente, a uma organização de assistência social.

No dia 14 de novembro será divulgado o resultado preliminar dessa fase, e os candidatos terão até 17 de novembro para recorrer, caso não tenham sido aprovados. Já no dia 20 de novembro será divulgado o resultado final, com os nomes dos estudantes aptos à terceira e última etapa do Processo Seletivo, marcada para 25 de novembro (integração dos novos residentes).

Quaisquer dúvidas sobre o Processo Seletivo devem ser enviadas, via e-mail, para o seguinte endereço de Correio Eletrônico: processoseletivo@ceupr.org.br.

Sobre a CEU
A Casa do Estudante Universitário do Paraná (CEU) é uma organização da sociedade civil (OSC), de caráter beneficente e personalidade jurídica de direito privado, sem finalidade lucrativa. Reconhecida como a maior casa de estudantes autônoma da América Latina, a Fundação assiste estudantes vindos do interior do Paraná, dos vários estados do Brasil e até de outros países e é administrada pelos próprios estudantes moradores.

Cristiano Sousa
Diretor de Comunicação

Casa do Estudante Universitário do Paraná (CEU)
Departamento de Comunicação
Célula de Relacionamento Institucional

CEU na Internet: www.ceupr.com.br
Curta a CEU no Facebook: @ceuparana
Siga a CEU no Twitter: @ceupr

15 de outubro de 2017

Residente da CEU expõe na Bienal Internacional de Curitiba 2017

Robson Delgado (*)

O estudante de Artes Visuais da Universidade Federal do Paraná (UFPR), Eduardo Barbosa, é um dos artistas selecionados na terceira edição do Circuito Universitário da Bienal Internacional de Curitiba, o Cubic 3.

Eduardo Barbosa, estudante de Artes Visuais da UFPR (Foto/Divulgação)

Intitulada LGBTFOBIA/Calendário, a obra escolhida tem o objetivo de ressaltar o forte preconceito sofrido pela comunidade LGBT, que leva, em muitos casos, à morte dessas pessoas. O trabalho homenageia 260 pessoas, que morreram, neste ano, devido à intolerância sexual no Brasil – país que mais mata LGBTs no mundo.

“As pessoas estão morrendo por serem elas mesmas, e estão morrendo de formas brutais e eu como artista acredito que eu deva me posicionar e a maneira que eu encontrei de me posicionar foi através do meu trabalho”, explica Eduardo, sobre o conceito que da obra.

A exposição teve início no último dia 4 de outubro e segue em cartaz até o 30 de novembro, no Museu de Arte da UFPR (MusA), na Rua XV de Novembro, 695 – Centro. A entrada é gratuita.

Eduardo, na solenidade abertura da exposição (Foto/Acervo Pessoal)

Sobre o artista
Natural de São Paulo (SP), Eduardo Barbosa reside na CEU desde abril de 2015. Ele é formado em Design de Interiores (nível técnico) e, atualmente, está no terceiro ano da graduação em Artes Visuais, na UFPR, curso estruturado na formação artística em duas habilitações: bacharelado e licenciatura.

Seu trabalho se desenvolve nas linguagens da gravura e da pintura e suas obras abraçam o encontro entre o espiritual, questões subjetivas e políticas e experimentações entre essas esferas. O estudante é também pesquisador em arte-educação, com recorte em narrativas afro-religiosas, e educador em arte.

Sobre o Cubic
O Cubic 3 apresenta obras de 37 artistas e coletivos de instituições de ensino superior (IES) do Brasil, da Argentina e do Paraguai.  Todas as exposições têm entrada franca e acontecem, simultaneamente, em cinco locais da capital paranaense: Museu da Gravura Cidade de Curitiba, Museu Municipal de Arte (MuMA), Museu de Artes da UFPR (MusA) e nas salas expositivas do Departamento de Artes da UFPR (DeArtes) e da Escola de Música e Belas Artes do Paraná (EMBAP/Unespar).

Ao final do evento, as obras eleitas como vencedoras, pela Curadoria, serão premiadas com um curso de verão na Escola Parque Lage, no Rio de Janeiro, em 2018, e um valor simbólico em dinheiro. Além disso, após participarem das primeiras edições do Cubic, em 2013 e 2015, muitos estudantes conseguiram intercâmbios internacionais para ampliar ainda mais a formação. Na CEU, todos estão na torcida pelo Eduardo.

(*) Estudante de Jornalismo na Universidade Federal do Paraná (UFPR)

Casa do Estudante Universitário do Paraná (CEU)
Departamento de Comunicação & Marketing
Célula de Comunicação & Marketing

CEU na Internet: www.ceupr.com.br
Curta a CEU no Facebook: @ceuparana
Siga a CEU no Twitter: @ceupr

1 de outubro de 2017

Hostel da CEU atrai estudantes de todo o Brasil

Cristiano Sousa (*)

Os hostels são lugares com hospedagens econômicas e quartos compartilhados. Costumam ter boa localização, ambiente descontraído, café da manhã e Internet grátis. Muitos jovens preferem se hospedar em hostels por causa dos bons preços e oportunidade de fazer amizades.

Na Casa do Estudante Universitário do Paraná (CEU), o Hostel oferece hospedagem a estudantes, excursões e grupos culturais, que buscam um lugar seguro, barato e bem localizado, na região central de Curitiba. A diária inclui café da manhã, cozinha colaborativa, laboratório de informática, sala de TV, sala de jogos, sala de estudos, Internet Wi-Fi, portaria 24 horas e estacionamento. Os alojamentos são divididos entre masculino, feminino e misto.

Hostel da CEU dispõe de alojamentos masculino, feminino e misto. (Foto/Divulgação)

Para a diretora do Hostel da CEU, Mariana Lobo, estudante de Tecnologia em Gestão da Informação, na Universidade Federal do Paraná (UFPR), “a CEU oferece uma grande oportunidade de troca de experiências e contato com pessoas de todas as partes do Brasil e do mundo, expondo culturas e costumes variados”.

Somente no período entre 3 e 10 de setembro, o Hostel da CEU recebeu mais de 50 pessoas, todos estudantes que vieram participar do maior congresso de Comunicação da América Latina, realizado neste ano em Curitiba, o 40º Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação (Intercom Nacional 2017). A partir de uma ação promocional, articulada pelo Departamento de Comunicação & Marketing, junto à organização do evento, o Hostel da CEU figurou no topo das sugestões de hospedagem, no site do Intercom.

Essa iniciativa gerou receita superior a R$ 4 mil para a Fundação. “Esse valor contribui para redução das mensalidades dos estudantes moradores”, destaca Mariana. Os hóspedes vieram de várias cidades do Paraná (Castro, Irati, Londrina, Congonhas, Jandaia do Sul e Francisco Beltrão); de São Paulo (São Paulo, Caçapava, Itu e Sorocaba); do Mato Grosso (Cuiabá e Alta Araguaia); do Rio Grande do Sul (Cachoeira do Sul, Passo Fundo e Santa Maria); além de Fortaleza (CE), Rio de Janeiro (RJ) e Salvador (BA).

Hostel da CEU, em destaque no site do Intercom Nacional 2017.
Ação de Marketing gerou mais de R$ 4 mil em receitas para Fundação.

Os contatos para reserva no Hostel da CEU podem ser feitos pelo número de telefone (41) 3324-1984 ou e-mail hostel@ceupr.org.br. Mais informações no site  da Fundação www.ceupr.com.br.

(*) Estudante de Comunicação Organizacional, na Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR)

Casa do Estudante Universitário do Paraná (CEU)
Departamento de Comunicação & Marketing
Célula de Comunicação & Marketing

CEU na Internet: www.ceupr.com.br
Curta a CEU no Facebook: @ceuparana

Siga a CEU no Twitter: @ceupr